Rio Claro leva 70 atletas para os Jogos Regionais dos Idosos

205

Divulgação 

O município de Rio Claro vai competir com 70 atletas na 21ª edição dos Jogos Regionais dos Idosos (Jori) que começa nesta quinta-feira (1) e prossegue até domingo (4) em Americana, com a participação de 43 cidades. Na quarta-feira (31), parte da delegação rio-clarense partiu com destino à sede da competição. A concentração para a saída foi em frente o ginásio municipal de esportes Felipe Karan, com a presença do secretário de Esportes e Turismo, Ronald Teixeira Penteado, e da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Paula Silveira Costa, que estará em Americana nesta quinta-feira (1) para a cerimônia de abertura do Jori. O evento, marcado para as 13 horas no Ginásio de Esportes “Roberto Polatti”, deverá contar com a presença da primeira dama do Estado de São Paulo, Lu Alckmin.

O Jori é uma competição exclusiva para atletas com mais de 60 anos. Rio Claro participa com 70 atletas nas 14 modalidades disputadas: atletismo, bocha, buraco, coreografia, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, truco, tênis, tênis de mesa, voleibol adaptado e xadrez, nas categorias masculina e feminina. Essa será a primeira das oito etapas previstas. A fina estadual será realizada de 18 a 22 de outubro em Sertãozinho.

“Toda essa disposição dos atletas mostra que o esporte não tem idade. Os Jori são importantes para garantir a saúde física e mental das pessoas com mais de 60 anos”, comenta Ronald Penteado. Para Paula Silveira Costa, a disposição dos idosos é um exemplo de superação. “É inspirador ver a disposição dos atletas em participar da competição que ajuda a sensibilizar a sociedade para novas formas de participação da pessoa idosa, além de proporcionar convívio social e troca de experiências”, declara. De acordo com o chefe da delegação de Rio Claro, Luiz Fernando Moreira, o objetivo da participação dos atletas do município é a sociabilização e integração com atletas de outras cidades.

Se depender da disposição da equipe, Rio Claro terá bom resultado nos jogos. “A competição é maravilhosa e participo todo ano”, comenta a atleta Maria José Cerri, que trocou o vôlei adaptado pela coreografia e está confiante na conquista de uma medalha. “Espero ficar em primeiro ou segundo lugar, ensaiei muito para isso”, afirma. Sua disposição só não era maior que da atleta Amarilis Giometti Contador, de 88 anos, que disputa em duas modalidades: dominó e maratona. “Participo todo ano e brigo se tentarem me impedir de vir”, disse ao embarcar para mais um Jori.

Os jogos são organizados pelo Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo, em parceria com a Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude. A participação de Rio Claro é realizada conta pela prefeitura, por meio da Secretaria de Esportes e Turismo e Fundo Social do município. Além de Moreira, a comissão técnica de Rio Claro é composta por Samira Venâncio, Adriane Paoli, Danieli Andreato, Lucas Bardi, Alexandre Cantato Colagrai, Silvana Venturoli e Alaércio Manochio Júnior.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: