Jogo foi equilibrado até o último quarto, com Liga Sorocabana dominando o garrafão (Foto: Pedro Negrão/Jornal Cruzeiro do Sul)

Matheus Pezzotti

Jogo foi equilibrado até o último quarto, com Liga Sorocabana dominando o garrafão (Foto: Pedro Negrão/Jornal Cruzeiro do Sul)
Jogo foi equilibrado até o último quarto, com Liga Sorocabana dominando o garrafão (Foto: Pedro Negrão/Jornal Cruzeiro do Sul)

Novamente não foi dessa vez que a tão sonhada sequência de vitórias aconteceu para o Rio Claro Basquete. Mesmo ‘descansado’, por ter folgado na rodada anterior e tido mais tempo para treinar e entrosar jogadores com a filosofia do técnico Dedé Barbosa, o time rio-clarense foi derrotado, na noite desta quarta-feira (13), pelo então lanterna Liga Sorocabana, por 65 a 56 (32 a 28 no primeiro tempo), pela 16ª rodada, abertura do returno do NBB.

Com as parciais 12 a 13, 20 a 15, 13 a 16 e 20 a 12, o cestinha foi o pivô Fab Melo, com 16 pontos. Por Rio Claro, o pivô Daniel Alemão foi o maior pontuador, com 15 tentos.

Mesmo com a derrota, o time rio-clarense segue na zona de classificação, em 11º lugar, com cinco vitórias e 10 derrotas. Já a Liga Sorocabana deixou a lanterna para o Macaé e saltou para a 13ª posição, com quatro vitórias e 10 derrotas.

O próximo jogo dos comandados de Dedé Barbosa será na sexta-feira (15), contra o líder Paulistano, que folgou nesta rodada, novamente fora de casa, em jogo marcado para às 19h30.

A matéria completa você confere na edição impressa de quinta-feira (14), do Jornal Cidade.