RC vence e está no playoff do NBB

64

Matheus Pezzotti

Um dia histórico para o basquete de Rio Claro. Na noite de sexta-feira (26), o Rio Claro Basquete superou o Vitória, fora de casa, por 79 a 67 (32 a 31 para Rio Claro no primeiro tempo) pela 25ª rodada do NBB 8 e está matematicamente classificado para os playoffs, restando ainda quatro jogos, já que folgará na última rodada.

Com o resultado, a terceira vitória seguida em uma sequência de quatro jogos feitos fora de casa, o time comandado pelo técnico Dedé Barbosa subiu para sétimo lugar de maneira isolada, com 12 vitórias em 24 jogos e já não pode mais ser alcançado por Caxias do Sul (13º), Vitória (14º) e Macaé (15º), mas segue focado para seguir entre os oito primeiros, para ter vantagem de mando de quadra nas oitavas de final.

Atílio fez seu melhor jogo até agora, com um duplo-duplo, com 17 pontos e 10 rebotes
Atílio fez seu melhor jogo até agora, com um duplo-duplo, com 17 pontos e 10 rebotes

Com as parciais 17 a 21, 14 a 11, 17 a 21 e 19 a 26, os cestinhas, com 17 pontos, foram o armador Kojo, para os donos da casa e o ala Gui Deodato e o pivô Atílio, ambos do Rio Claro Basquete. Destaque para o pivô que anotou um duplo-duplo, com 10 rebotes, sendo este seu melhor desempenho até o momento no nacional.

Mais uma vez a rotação rio-clarense dominou o jogo. Foram cinco atletas com dois dígitos de pontuação: além de Atílio e Deodato, os alas Dedé Stefanelli (14) e Caio Ranches (13) e o armador Eric Tatu (12).

O time rio-clarense volta a jogar somente no dia 09 de março, às 20h, contra o Caxias do Sul, no ginásio Felipe Karam. Depois, novamente em casa, encara o Pinheiros, no dia 11, também às 20h.

E encerra a primeira fase com dois jogos fora de casa, contra o Minas, no dia 23, às 20h e contra o Brasília, no dia 25, em jogo marcado para às 11h.

A força defensiva do Rio Claro vem sendo o diferencial. Nas seis vitórias que obteve nos últimos sete jogos, o time sofreu em média 67,2 pontos por partida, e não permitiu aos adversários alcançarem os 70 pontos em cinco duelos.

Apenas diante do Mogi das Cruzes, no triunfo, por 98 a 84, o sistema defensivo rio-clarense não impediu a marca, mas o time vai encostando no pelotão da frente e agora tem 50% de aproveitamento na temporada.

1 COMENTÁRIO

Qual sua opinião? Deixe um comentário: