R$ 111 mi: Saúde expõe dívidas

395

Saúde

A Fundação Municipal de Saúde realizou na noite da última quarta-feira (22) audiência pública no plenário da Câmara de Rio Claro. Aberta à população e ao Conselho Municipal de Saúde, a audiência foi destinada a prestação de contas das ações e serviços de saúde referentes ao terceiro quadrimestre de 2016.

Somada, a receita oriundas de fontes de recursos (recursos próprios, União, Estado e prefeitura) totalizou R$ 60.883.340,00 no período que compreende os quatro últimos meses de 2016.

De acordo com os dados levantados pela Diretoria Financeira, no 3º quadrimestre do ano passado a Fundação tinha um total de R$ 401.679,00 referentes a recursos próprios, somados a R$ 15.588.648,00 de recursos transferidos pela União. Estes recursos federais são destinados a ações como a Atenção Básica em Saúde, procedimentos de média e alta complexidades, vigilância em saúde, assistência básica farmacológica, gestão e investimentos. Também foram contabilizados mais R$ 663.722,00 referentes a recursos provindos do Governo do Estado e mais R$ 44.229.291,00 de recursos provindos da prefeitura de Rio Claro.

No ano de 2016, último ano da gestão anterior, a Fundação Municipal de Saúde recebeu R$ 156.593.509,00, o que representa uma variação positiva de 10,56% em relação ao recebido pela Saúde em 2015. As despesas no último quadrimestre de 2016 somaram R$ 60.461.865,00 e em todo o ano de 2016 foram gastos R$ 158.667.165,00.

O ano de 2016 terminou com a Fundação de Saúde de Rio Claro com uma dívida de R$ 111.059.528,00 referentes a restos a pagar em várias categorias, como INSS, FGTS, Instituto de Previdência de Rio Claro, Pasep e a folha de pagamento referente a dezembro de 2016.

Com relação às despesas com folha de pagamento, a Fundação de Saúde gastou R$ 35.590.474,00 no citado quadrimestre. Esse valor representa 15,81% dos gastos com pessoal em toda administração municipal. No ano todo de 2016, a Saúde teve despesas com pessoal num total de R$ 100.189.650,00, o que representa 15,14% da receita corrente líquida do município, que foi de R$ 661.728.257,00.

Os números foram apresentados na noite de quarta-feira na presença dos vereadores e público em geral, que puderam fazer perguntas.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: