Proprietário da Ludival é encontrado morto

372

Carine Corrêa

O corpo do empresário Luiz Antônio Scussolino, proprietário da empresa Ludival, foi localizado na manhã dessa terça-feira (21) na empresa Luizzi, situada ao final da Avenida Saburo Akamine, que recebia serviços da Ludival. O corpo de Luiz foi encontrado por um funcionário, por volta das 7h. Na tarde do mesmo dia, o corpo de Scussolino foi velado no Cemitério Parque das Palmeiras.

O corpo de Luiz foi encontrado por um funcionário, por volta das 7h. Na tarde do mesmo dia, o corpo de Scussolino foi velado no Cemitério Parque das Palmeiras
O corpo de Luiz foi encontrado por um funcionário, por volta das 7h. Na tarde do mesmo dia, o corpo de Scussolino foi velado no Cemitério Parque das Palmeiras

Consultoria e diretoria da empresa Luizzi se pronunciaram em nome da família do empresário ao JC. “Fizemos uma conferência pelo telefone um dia antes e conversamos com Luiz. Ele estava muito triste e depressivo com as demissões da semana passada. As demissões foram necessárias para enquadrar a empresa à nova realidade. Chegamos a propor redução de jornada aos colaboradores em assembleia, antes de anunciar as demissões, mas, por 54% dos votos, eles foram contrários. Nunca vimos Luiz tão triste. Disse que nós precisávamos encontrar um meio de mudar esse quadro. Chegou a dizer: ‘não tenho forças para sair da cama”, detalharam.

O sepultamento está agendado para acontecer hoje, dia 22, às 10h30, no Cemitério Parque das Palmeiras.

1 COMENTÁRIO

  1. O prefeito municipal foi inquirido sobre a remoção do lago onde estava a estátua da Diana caçadora e disse tratar-se de tradição e que iria mandar confeccionar nova estátua p/colocar no lugar. Considero isso dinheiro muito mal gasto diante de outras prioridades muito mais importantes, afinal, que tradição é essa, o que representa p/Rio Claro uma estátua de uma deusa da mitologia grega? Esse foi um presente de grego que ex-prefeito Francisco Scarpa deu à cidade, p/colocar no lugar de uma bela gruta que havia no lugar, que ele mandou remover, na calada da noite e que na época muitos cidadãos protestaram. Aque lago é apenas mais um criadouro de dengue, que atrapalha o pessoal da seresta e do carnaval anual e constitui perigo às crianças pequenas.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: