Projetos usam boxe para promover a inclusão social

215

Muitas pessoas utilizam o esporte como ferramenta para mudanças na sociedade. Um rio-clarense faz isso de maneira especial. Breno Macedo está à frente de dois projetos sociais que usam o boxe para combater as desigualdades na sociedade.

Em Rio Claro, Breno é um dos responsáveis pela MM Boxe, academia que mantém projeto para que atletas em situações de vulnerabilidade social possam ter o esporte como uma alternativa. O rio-clarense também é um dos idealizadores de um projeto semelhante em São Paulo, o Boxe Autônomo, que surgiu com o objetivo de promover a inclusão social em espaços carentes da cidade.

Os dois projetos, que têm Breno como um dos principais motivadores, trouxeram resultados que mostram o bom trabalho realizado. No último domingo (7), três jovens dos projetos conquistaram títulos no Campeonato Paulista de Boxe Infantil, que reúne atletas de 13 e 14 anos.

Kelvy Alecrim Trindade, campeão em uma categoria, é um garoto descoberto pelo Boxe Autônomo na Favela do Moinho, em São Paulo. Já Claiver Bispo e Allan Firmiano são atletas rio-clarenses que têm a oportunidade de alcançar o futuro na modalidade graças ao projeto da MM Boxe.

Breno acredita que as conquistas são importantes pelo lado esportivo e também social: “São resultados muito expressivos, pois, apesar de ser uma competição estadual, tem um caráter nacional, pois vêm vários atletas de outros estados. O resultado só comprova que Rio Claro e o projeto da MM Boxe já estão se tornando referências no esporte a nível nacional, assim como o Boxe Autônomo. Estamos muito felizes com os resultados dos atletas, principalmente porque estas competições das categorias de base são muito importantes para a formação dos jovens e podemos ver neles um futuro promissor”.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: