PIB recua 3,6% em 2016, revela IBGE

156

Estadão Conteúdo

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro registrou queda de 3,6% em 2016 ante 2015, informou na manhã desta terça-feira, 7, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado veio dentro do intervalo das estimativas dos analistas consultados pelo Projeções Broadcast, que esperavam uma queda de 3,50% a 3,70%, com mediana negativa de 3,60%.

No quarto trimestre de 2016, o PIB recuou 0,9% em relação ao trimestre imediatamente anterior, resultado que ficou também dentro das estimativas dos analistas, que previam uma retração de 0,15% a 1,30%, com mediana negativa de 0,55%.

Na comparação com o quarto trimestre de 2015, o PIB apresentou queda de 2,5% no quarto trimestre de 2016, vindo dentro das estimativas coletadas pelo Projeções Broadcast, que eram de um recuo de 1,80% a 3,10%, com mediana negativa de 2,40%.

Ainda segundo o instituto, o PIB do quarto trimestre de 2016 totalizou R$ 1,631 trilhão. Com esse resultado, o PIB de todo o ano passado somou R$ 6,266 trilhões.

Setores

Segundo o IBGE, o PIB da indústria caiu 3,8% em 2016 ante 2015. No quarto trimestre de 2016, o PIB da indústria caiu 0,7% ante o terceiro trimestre do ano. Na comparação com o quarto trimestre de 2015, o PIB da indústria mostrou queda de 2,4%.

O PIB de serviços, por sua vez, caiu 2,7% em 2016 ante 2015. No quarto trimestre de 2016, recuou 0,8% contra o terceiro trimestre do ano. Na comparação com o quarto trimestre de 2015, o PIB de serviços mostrou queda de 2,4%.

Já o PIB da agropecuária teve declínio de 6,6% em 2016 ante 2015 No quarto trimestre de 2016, o PIB da agropecuária subiu 1% contra o terceiro trimestre. Na comparação com o quarto trimestre de 2015, o PIB da agropecuária mostrou queda de 5%.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: