Parte de viaduto desaba em uma das principais vias de Brasília

388

Parte da estrutura de um viaduto desabou no final da manhã desta terça-feira, 6, na região central de Brasília. O local é de grande movimento de carros e não havia, até a publicação desta matéria, notícias sobre vítimas. A localização é próxima à rodoviária central de ônibus urbanos.

A via, conhecida como Eixão, que liga as asas Sul e Norte do plano piloto e na galeria sob o viaduto funciona uma churrascaria. A capital federal tem sofrido com o impacto das chuvas. No último domingo, dia 4, o teto da garagem de um prédio desabou na cidade, causando a destruição de 25 veículos.

Governador do DF diz que viaduto que sofreu desabamento não passou por manutenção


Parte do viaduto Galeria dos Estados, no Eixão Sul, desabou na região central de Brasília, no final da manhã desta terça-feira, dia 6. Até por volta das 13h30 não havia a confirmação oficial sobre possíveis feridos – nem se sabia o que causou o acidente. Duas das três vias que seguem no sentido sul despencaram. O Eixão Sul teve o trânsito interrompido nos dois sentidos.
Por Ana Paula Niederauer e Leonencio Nossa,

Segundo informações da GloboNews, no local funciona uma churrascaria. Ao menos quatro carros ficaram presos sob o viaduto, dois deles totalmente destruídos. Oito viaturas do Corpo de Bombeiros estão no local.

De acordo com a Defesa Civil, outras partes do viaduto estão comprometidas. Sob o via que caiu, há grande fluxo de carros, que passam pela viaduto para acessar o Setor Comercial Sul e o Setor Bancário Sul.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB), foi até o local logo após o desabamento. Ele admitiu que o viaduto que desabou não havia passado por manutenção. “Felizmente não houve vítima, isso é o mais importante. São viadutos antigos. Desde o inicio do nosso governo fizemos manutenção em oito viadutos, seis tiveram reforço da estrutura, infelizmente esse não recebeu manutenção. Brasília é uma cidade que está envelhecendo”, alegou.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: