Roberta Moraes

INVEJA

 

Tom Jobim disse uma vez que o sucesso no Brasil é ofensa pessoal. Pelo que a gente vê por aí parece que ele tinha razão. É só você demostrar qualquer forma de felicidade que aparece um invejoso, destilando veneno pra te derrubar. Mas eu estou vestido com as roupas e as armas de Jorge. O seu recalque bate na minha sinopse e volta, sua naja.

 

Inveja é um sentimento de tristeza perante o que o outro tem e a própria pessoa não tem. Este sentimento gera o desejo de ter exatamente o que a outra pessoa tem, podendo ser tanto coisas materias como qualidades inerentes ao ser.

A Inveja pode ser definida como uma vontade frustrada de possuir os atributos ou qualidades de um outro ser, pois aquele que deseja tais virtudes se vê incapaz de alcançá-la, seja pela incompetência e limitação física, seja pela intelectual.

Inveja é um sentimento de inferioridade e de desgosto diante da felicidade do outro. É um sentimento de cobiça da riqueza, do brilho e da prosperidade alheia.

A Inveja está intimamente ligada ao ciúme, no momento que produz desgosto ou tormento ao indivíduo que almeja possuir algo que pertence a outro indivíduo.

1078_486920544662993_917860049_n

Geralmente, quando falamos em inveja, o primeiro impulso é condenar e julgar este sentimento como algo errado, feio, baixo. Quando invejamos os outros, sentimos vergonha ou ficamos assustados e nos reprimimos. Se percebemos a inveja dos outros, ficamos com medo ou raiva da outra pessoa. Porém, a inveja faz parte da natureza humana e, portanto, faz parte de absolutamente todos nós.

Quando negamos a inveja em nós mesmos ou condenamos o outro por senti-la, rejeitamos algo que está dentro de nós. E com isso, tudo o que fazemos é apenas diminuir nossa autoestima. É como se você olhasse no espelho e falasse: “você é feio, não devia existir”. Portanto, o primeiro passo para lidar com a inveja é aceitá-la e tirar esse peso tão grande que damos a ela. O tabu, a condenação e o julgamento apenas tornam a energia da inveja mais forte, seja dentro ou fora de nós.

Ela não é agradável de sentir, mas como tudo na vida, também guarda seu lado positivo. A inveja sinaliza o quanto estamos precisando trabalhar nosso amor próprio e autoestima!

CUIDE-SE!

Até a Próxima!!!

RLM

 

 

REFERÊNCIAS

1. www.youtube.com/watch?v=FS2wV3ETrPw – 19 de jan de 2015 – Vídeo enviado por Porta dos Fundos

2. http://www.significados.com.br/

3. http://www.personare.com.br/

Outros posts deste autor
COMO A MEDICINA DA DOENÇA FUNCIONA
Acompanhamento Psicopedagógico
Doença Psicossomática
AMARGURA
INVEJA ou CIÚMES?

Um comentário

  • daniel
    15 de julho de 2015 - 00:09 | Permalink

    ola,a hipnose clinica faz esquecer um desgosto de amor?obrigado

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    JCblogs Produzido por Gabriel Ferrari Mariano