Gilson Santullo

Foragido preso e falso sequestro

 

Foragido preso

Pintor de parede de 36 anos, procurado pela Justiça de Rio Claro desde novembro de 2014 por homicídio qualificado, foi recapturado pela Polícia Militar. O foragido estava em frente da sub-sede da torcida organizada da Gaviões da Fiel, em Piracicaba, na noite de quinta-feira (19), para assistir ao jogo em que o Corinthians foi hexacampeão brasileiro.

Ao ser detido pela PM, torcedores disseram aos policiais que o indiciado não tinha ligação com a torcida organizada do Corinthians. O foragido é acusado de assassinato em Rio Claro e sua mulher disse aos PMs que ele encontrava-se na sub-sede da torcida em Piracicaba, na Praça Antonio de Pádua Dutra, região central. O corintiano foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Piracicaba.

Falso sequestro

Homem foi vítima de falso sequestro na manhã de terça-feira (17), em Rio Claro. Ele caminhava para seu trabalho e recebeu telefonema no celular onde voz masculina passava a informação de que sua filha reagiu a assalto ao lado de agência bancária e estava de refém de assaltantes.

O rapaz no telefone pediu para a vítima liberar R$ 21 mil. Depois, por meio de negociação, chegou ao valor de R$ 1 mil para liberar a filha da vítima e pediu para o pai não desligar o telefone senão ela iria morrer.

Ao chegar ao serviço, a vítima pediu para sua colega de trabalho ligar para filha e constatou que não passava de falso sequestro. A vítima não teria registrado Boletim de Ocorrência na Polícia Civil.

Outros posts deste autor
Ocorrências: corrupção, violência doméstica e furto
Ocorrências: acidente de trabalho, flagrante de roubo e ameaça
Ocorrências policiais: veículos furtados, extorsão e estelionato
Ocorrências: furto, roubo e ameaça
Ocorrências: roubo, furto e tráfico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

JCblogs Produzido por Gabriel Ferrari Mariano