Gilson Santullo

Flagrante de furto

Na manhã de quarta-feira, às 11h15, a Central de monitoramento da Guarda Civil Municipal (GCM) de Rio Claro passou a acompanhar um indivíduo, após saber que o mesmo acabara de cometer um furto em um estabelecimento comercial localizado na Rua 1 com Avenidas 1 e 2 no Centro.

A vítima ao perceber que indivíduo subtraiu da loja vários cintos de seu comércio, relatou o fato imediatamente aos GCMs da VTR 468 que realizavam patrulhamento na área central e de imediato foi repassada as informações e características do infrator via rádio.

Os GCMs da Central de monitoramento começaram a procurar o indivíduo nas câmeras e foi flagrado na câmera da Rua 3 com Avenida 3, a partir deste momento passou a ser monitorado e sua localização transmitida para viaturas efetuarem o cerco que foi realizado na Avenida 3 entre Ruas 5 e 6 terminando na detenção do meliante.

Indivíduo conduzido ao plantão de polícia onde foi ratificada prisão e Paulo César Nogueira foi recolhido à carceragem local ficando à disposição da Justiça, conforme BO/PC n° 18017/2014 e RO/GCM n° 1228/2014, informação da Guarda Civil.

Golpe da recarga

Nesta quarta-feira às 18h10 foi acionado através da VTR-444, GCMs Caparrotti e Servidoni, a fim de atender um chamado de uma comerciante no Cervezão que informou estar com um indivíduo em seu estabelecimento tentando aplicar o golpe da recarga de celular para presídios.

Pelo local contato com a Sra. H.J.M., proprietária do estabelecimento que apontou o averiguado F.L.M.P. como sendo o autor do fato.

Ouvida a versão do averiguado, que recebera um SMS do número 2525 informando que ele seria ganhador de um prêmio no valor de R$ 50 mil, mas que teria que efetuar alguns procedimentos para que se confirmasse o prêmio e através de orientações via telefone o averiguado junto ao terminal de recargas do estabelecimento comercial efetuou várias recargas em diversos números e operadoras, totalizando R$ 1.907,00 e que depositasse um valor de R$ 70,00 na agência lotérica mais próxima para abertura de conta corrente, mencionou que em momento algum se deu conta de estar caindo em um golpe, ficou cego com o valor do prêmio.

Ainda, informou a Sra. H.J.M. que ele não tinha o dinheiro para pagar as referidas recargas e que então chamasse a polícia. Conduzidas as partes ao plantão policial com conhecimento dos fatos autoridade lavrou BOPC 18037/2014 Estelionato (artigo 171) e após serem ouvidos, foram liberados. Elaborado ROGCM – 1230/2014 de Estelionato, informação da Guarda Civil.

Menor com moto

No patrulhamento pelo bairro Maria Cristina na tarde do dia 17, por volta das 15h, a viatura 435 da equipe Canil da GCM deparou-se com um indivíduo conduzindo uma motocicleta CG 125 de cor azul sem capacete. Na tentativa de abordá-lo, dado voz de parada, o mesmo empreendeu breve fuga e colidiu em moto que estava estacionada e foi ao solo.

No momento da abordagem foi constatado que o condutor trata-se do menor L.F.A. e que a placa DOV-2695 que estava no veículo, não conduzia com suas característica e nada havia de queixa crime, porém a numeração do motor e chassis estavam suprimidas.

O menor sofreu escoriações e foi imediatamente socorrido na UPA na Avenida 29, onde passou por avaliação e atendimento médico. Após atendimento no hospital, o menor foi conduzido na delegacia onde também compareceu sua genitora.

Dados e partes apresentados a Autoridade que ouviu e liberou o menor a sua genitora, determinando que o veículo fosse recolhido ao pátio do guincho.

A outra parte envolvida não desejou registrar queixa pois sua motocicleta nenhum dano sofreu. Elaborado BOPC – 18035/2014 Ato Infracional/Apreenssão de Veículo e ROGCM 1229/2014 de ato infração e recolha de veículo.

Caso Jardim Palmeiras

Acusado de 28 anos de envolvimento em roubos e furtos em lojas, estabelecimentos comerciais e residências há três anos em Rio Claro e região, foi detido pela Polícia Civil na tarde nesta quarta-feira (dia 17) no Jardim Palmeiras.

O acusado ameaçou os policiais civis com arma exclusiva de uso restrito do Exército. A Polícia Civil fez o cerco em frente da residência e apreendeu veículo, produto de roubo em 2013 com placa fria. Mais informações no site do JC. 

Outros posts deste autor
Ocorrências: corrupção, violência doméstica e furto
Ocorrências: acidente de trabalho, flagrante de roubo e ameaça
Ocorrências policiais: veículos furtados, extorsão e estelionato
Ocorrências: furto, roubo e ameaça
Ocorrências: roubo, furto e tráfico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

JCblogs Produzido por Gabriel Ferrari Mariano