Ibope divulga nova pesquisa eleitoral

40

Da Redação

Uma nova pesquisa feita pelo Ibope e divulgada na terça-feira (23) revelam os números para a disputa ao governo de São Paulo. Os dados apontam os seguintes percentuais: Geraldo Alckmin (PSDB) continua liderando com 49% das intenções de voto, seguido por Paulo Skaf (PMDB) com 17% da preferência do eleitorado paulista. Alexandre Padilha do PT segue em terceiro lugar com 8% das intenções de voto e Laércio Benko (PHS) aparece em quarto lugar com 1% das intenções de voto. Os demais candidatos não alcançaram 1% dos votos. Somados, eles tiveram 2% das intenções de voto. Brancos e nulos representam 12% e não souberam dizer em quem vão votar 11%.

Com esse percentual, segundo a pesquisa, o atual governador Alckmin venceria a disputa pela reeleição no primeiro turno. No levantamento anterior, realizado pelo instituto nos dias 6 e 8 de setembro, Alckmin tinha 48%, seguido por Skaf (17%) e Padilha (8%). O Instituto também fez uma simulação de segundo turno entre Geraldo Alckmin e Skaf, na qual o tucano continua levando vantagem. Os resultados são os seguintes: Alckmin: 54%, Skaf: 24%. Votos brancos/nulos chegam a 14%.

CORRIDA PRESIDENCIAL

O Ibope também divulgou o resultado das pesquisas para presidente da República na terça-feira (23). Pelo resultado, a candidata à reeleição, Dilma Rousseff, continua na frente com 38%, seguida logo depois por Marina Silva (PSB), com 29%, Aécio Neves (PSDB), com 19% e o Pastor Everaldo (PSC) com 1% das intenções de voto. O índice de confiança é de 95%. Os demais candidatos juntos não somaram 2% dos votos. Se a eleição fosse hoje, Dilma e Marina continuariam empatadas tecnicamente.

No levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 16, Dilma tinha 36%, Marina, 30%, e Aécio, 19%. O Ibope também simulou três cenários de segundo turno. São eles: Marina Silva: 41%, Dilma Rousseff: 41%, votos branco/nulo: 12% e 6% não souberam ou não quiseram responder. Numa comparação com o tucano, num possível segundo turno, Dilma Rousseff leva a melhor com 46% e Aécio Neves: 35%. Branco/nulo: 13% e não sabe/não respondeu: 7%. Num confronto entre Marina e Aécio, a situação também ficou assim: Marina Silva: 44% e Aécio Neves: 31%. Votos branco/nulo representam 16% e não sabe/não respondeu: 9%.

Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte: Dilma Rousseff (PT): 33%, Marina Silva (PSB): 23%, Aécio Neves (PSDB): 15% e os demais juntos 2%.

O Instituto ouviu 3.010 eleitores em 206 municípios do país entre os últimos dias 20 e 22 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: