Governo corta verba a aeroportos regionais

92

Antonio Archangelo

Por intermédio de sua assessoria, a prefeitura de Rio Claro afirmou na quarta-feira que “não recebeu nenhuma manifestação do governo federal sobre cortes no programa de aeroportos”.

O projeto encampado pelo prefeito Du Altimari (PMDB) foi alvo de cortes anunciados pelo governo Michel Temer (PMDB), pois apenas “53 são prioritários e já vão receber investimentos de R$ 300 milhões a partir de 2017”.

De acordo com a prefeitura, “na semana passada, dia 17, o prefeito Du Altimari recebeu cópia de ofício da Secretaria de Aviação Civil, encaminhado pela Secretaria de Aeroportos à Unidade de Serviços em Infraestrutura, autorizando a execução da fase de anteprojeto para o novo aeroporto regional e solicitando que seja feita consulta ao órgão ambiental responsável para verificação dos estudos ambientais necessários ao licenciamento do referido aeroporto”.

Em reportagem na imprensa paulista, o aeroporto regional RC/Piracicaba teria ficado de fora. Mas a assessoria da Secretaria de Aviação Civil disse que a lista dos aeroportos ainda deverá ser aprovada pelo presidente.

AVIAÇÃO

O Ministério dos Transportes vai investir em 176 aeroportos regionais. Desses, 53 são prioritários e já vão receber investimentos de R$ 300 milhões a partir de 2017, para que estejam todos operando até 2020.

1 COMENTÁRIO

  1. Mais uma vez Rio Claro fica de fora em mais um projeto que deveria alavancar o desenvolvimento. E continuamos dormindo em “berço explendido”.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: