Famílias moram em área de risco no Jd. Maria Cristina

191

Antônio Archangelo

Jd. Maria Cristina fica na região da periferia de Rio Claro
Jd. Maria Cristina fica na região da periferia de Rio Claro

Novamente famílias procuram a imprensa para relatar a falta de clareza da Secretaria de Habitação referente à contemplação e entrega de unidades habitacionais que estão sendo construídas em Rio Claro.

Em área imprópria e interditada localizada na Avenida 20 com a Rua 10, no Jardim Maria Cristina, três famílias esperam por uma decisão do poder público.

Daiane Oliveira procurou a reportagem para externar a preocupação com a demora no atendimento, já que reside em imóvel interditado pela administração. “Fui à Secretaria de Habitação, mas não quiseram me atender, só disseram que vão falar da minha situação no mês nove. É um descaso”, alega a moradora, que diz que atende a todos os requisitos para ser contemplada.

“Na frente destas casas estão as novas construídas, com rua asfaltada, e a gente rezando para não chover”, citou, ao mencionar as residências do residencial “Sebastião dos Santos Lima” e o contraste com o Jardim Maria Cristina, que ainda espera por infraestrutura.

“Estão querendo abrir uma rua bem aqui na nossa esquina para dar acesso à parte inferior deste novo bairro, mas, se fizerem isso, nossas residências não aguentarão. Precisamos de amparo”, pediu.

“Meu marido trabalha, é registrado, mas falaram que nossa renda não daria para pegar uma casa aqui no Sebastião pelo pró-moradia. No nosso caso, só pelo Minha Casa, Minha Vida, lá no Novo Wenzel, mas ainda não está pronto”, recordou-se.

Em nota, a Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Rio Claro diz: “São três famílias. Todas estão cadastradas e indicadas para os programas habitacionais em desenvolvimento no município”.

DEIXE UMA RESPOSTA