Em Araras, Polícia Civil realiza reconstituição de homicídio

661

Ramon Rossi

Na manhã desta quinta-feira (11), a Polícia Civil realizou a reconstituição de um homicídio ocorrido em fevereiro em Araras. O assassinato, que  foi noticiado pelo JC, teve como vítima Denival Antônio dos Santos, de 48 anos.

 O caso aconteceu próximo à Biblioteca Municipal “Martinico Prado”, na região central do município. Para a reprodução simulada do crime, ruas em torno do local foram interditadas.

Relembre o caso

Em 21 de março um casal de moradores de rua foi preso suspeito da morte de um homem que morava no Jardim Luiza Maria, região nordeste de Araras. O caso chocou os ararenses devido à violência. A vítima foi morta a facadas.

Os agentes da Guarda Civil Municipal que trabalham na zona azul acabaram abordando a mulher na Praça “Monsenhor Quércia”, também no Centro. Eles já estavam com um mandado de prisão contra ela, expedido pela Comarca da cidade. Quando foi detida ela estava sem o namorado. Ele continuou sendo procurado.

Também em março, uma semana após sua namorada ter sido presa – o suspeito foi detido pela equipe da Romu (Ronda Ostensiva Municipal de Mogi Guaçu). O caso é investigado da Polícia Civil. Os suspeitos seguem presos.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: