Eleito na suplementar, prefeito Júnior Franco faz balanço dos seis primeiros meses de Governo

107
Ramon Rossi

200 dias se passaram desde que o empresário Rubens Franco Júnior, que trabalha no ramo de gás e água, aceitou o desafio de sentar na cadeira mais importante da cidade de Araras: a de prefeito. Franco (DEM), eleito com 31.107 votos nas eleições suplementares do dia 28 de outubro de 2018, chega a seis meses de mandato e diz estar satisfeito com o que tem feito frente à Prefeitura.

O Chefe do Executivo recebeu a equipe do JC em seu gabinete nesta semana para uma entrevista exclusiva e falou do desafio de assumir o comando do município por um tempo reduzido – já que um mandato normal é de quatro anos e o que foi designado a ele foi de apenas dois.

Na cidade, o prefeito tem implantado mudanças que, segundo ele, foram necessárias para melhoria da gestão, inclusive nomeações técnicas para alguns cargos da Administração Municipal.

“Seis meses à frente de uma cidade é um tempo extremamente curto. Isso devido à burocracia já conhecida por todos e a diversidade das demandas que dependem de vários outros fatores. Porém, avalio de forma muito positiva, já que, apesar de termos assumido nas suplementares, estamos conseguindo colocar a casa em ordem ao mesmo tempo em que nos dedicamos a atender às principais necessidades da população”, afirmou ele.

Questionado sobre as prioridades do Governo, Franco disse: “É o trabalho. Lembrar o motivo pelo qual estamos aqui, que é a confiança depositada em nós para que possamos fazer de Araras uma cidade boa para se morar, onde todos possam se sentir seguros e que os serviços oferecidos pela Prefeitura sejam eficazes e tenham a qualidade que todos merecem”, comentou.

         Não dá para negar que as Prefeituras do Estado de São Paulo têm sentido os reflexos da crise econômica que o País enfrenta. Os gestores, no entanto, estão adotando medidas de contingenciamento para tentar reequilibrar o caixa. Em Araras, não é diferente.

“Poucos recursos e altas demandas. As cidades crescem rápido demais e, constantemente, as necessidades da população aumentam. Com isso, precisamos ampliar investimentos educação, moradia, saúde, transporte e empregos. É difícil atuar nesse cenário com poucos recursos. Mas estamos empenhados em fazer o melhor possível”, contou.

12 obras estão em andamento no município

A Prefeitura está, atualmente, com 13 obras em andamento na cidade, voltadas a garantir melhorias nas áreas de educação, saúde e mobilidade. Entre as principais estão reforma da Emeief Eduardo Luz Salmazzo (José Ometto V), reforma da Escola Municipal do Jardim Esmeralda, melhorias no Centro Comunitário do Narciso Gomes, reforma da EMEF Thereza Colette Ometto (Jardim Nossa Senhora Aparecida), conclusão da Creche Israel Steveson Fedatto (Jardim das Nações II), construção do  boulevard do Lago Municipal, construção também de outro boulevard no Parque Ecológico e Cultural Gilberto Rüegger Ometto, construção de um terminal na região leste, conclusão da UBS (Unidade Básica de Saúde, no Alto da Colina), reforma nas salas de velório e também na sala de necropsia no Cemitério Municipal, conclusão das obras do PAC e  construção de uma sede própria da UAB (Universidade Aberta do Brasil).

“Muitas dessas obras estamos viabilizando desde o início e outras, retomando trabalhos que estavam parados e serão concluídos até o fim da gestão. Sem dúvida, este é um governo feito para todos e comprometido com o bem da nossa cidade”, finalizou Franco.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: