Comércios passam por constantes mudanças de endereço

48

Favari Filho

Oferta acentuada de imóveis no Centro da cidade também pode ser um motivo para as constantes mudanças de endereço
Oferta acentuada de imóveis no Centro da cidade também pode ser um motivo para as constantes mudanças de endereço

Caminhando pelas ruas do Centro é possível notar uma constante mudança de endereços dos comércios de pequeno e médio porte. Os comerciantes trocam de localização devido a uma infinidade de fatores, que vão desde redução de custo fixo a reposicionamento estratégico. Pensando nisso, o Jornal Cidade procurou buscar os motivos dessa constante alternância.

Procurada, a Associação Comercial e Industrial de Rio Claro (Acirc) informou que não mantém um monitoramento sobre as constantes mudanças de endereço, porque acredita que a decisão é particular, ou seja, do empresário, mas que acompanha de maneira informal, pois muitas lojas estão no mesmo endereço há anos e a troca chama a atenção.

Segundo a Acirc, as mudanças não ultrapassam um raio de trezentos metros, “pois existe a preocupação dos empresários em manter seu estabelecimento próximo ao local original, não interferindo na rotina de seus clientes”. A oferta acentuada de imóveis no Centro da cidade faz com que haja uma tendência na redução dos aluguéis e, segundo a Acirc, esse fenômeno acontece no momento.

Um motivador da troca de endereço pode ser o excesso de impostos. Contudo, a entidade rio-clarense aponta: “O excesso de impostos é um fator que limita o lucro de um negócio, porém a falta de conhecimento e de gestão pode levar um estabelecimento a fechar prematuramente”. A falta de planejamento financeiro é outro fator que contribui para os maus resultados alcançados por alguns empreendedores.

“A falta de capital de giro coloca a empresa à mercê dos resultados de vendas diárias para saldar os compromissos, minando o crédito e desanimando o empreendedor”, assinala. O importante para os comerciantes que não querem mudar de endereço para não afetar o lucro é calcular os riscos antes de empreender.

A associação revela algumas dicas para os empresários manterem os seus negócios intactos. “O treinamento da equipe é essencial para que não haja oscilações na receita. Incentivar os colaboradores em destaque também é um fator relevante. Rever os fornecedores e negociar melhores compras. Focar em produtos de alto giro, evitando acúmulo no estoque. Fazer cortes inteligentes e decidir investimentos de forma criteriosa, que visem alavancar as vendas e não somente a estética.”

Qual sua opinião? Deixe um comentário: