Cinegrafista atingido por rojão tem morte cerebral anunciada

64

Da Redação

Imagem mostra momento em que rojão atingiu Santiago e explodiu (Foto:  Domingos Peixoto/Agência OGlobo/AFP Photo)
Imagem mostra momento em que rojão atingiu Santiago e explodiu (Foto: Domingos Peixoto/Agência OGlobo/AFP Photo)

 

O cinegrafista atingido por um rojão na cabeça enquanto trabalhava cobrindo uma manifestação no Rio de Janeiro na última quinta-feira, dia 6, teve morte cerebral anunciada nesta segunda-feira, dia 10.
Santiago Ilídio Andrade, de 49 anos, está no Centro de Tratamento Intensivo do Hospital Souza Aguiar. Ele é funcionário da TV Bandeirantes e trabalhava gravando cenas de manifestação contra o aumento das passagens de ônibus no município do Rio, próximo à Central do Brasil.
Pai de quatro filhos, ele trabalhava há 10 anos na TV Bandeirantes e tinha 20 anos de profissão. No hospital foi submetido a uma cirurgia para diminuir a pressão craniana e no sábado, dia 8, uma tomografia comprovou que a hemorragia havia sido controlada, mas o estado de saúde do cinegrafista piorou ao longo dos dias.
Com informações de Agência Brasil

 

DEIXE UMA RESPOSTA