Casos de dengue caem 81% no estado de São Paulo

50

SP Notícias

O número de casos de dengue registrados entre janeiro e abril deste ano no estado de São Paulo foi 81% menor do que no mesmo período de 2015. “A boa notícia é a queda de 90% no número de mortes pela dengue: em 2015, no primeiro quadrimestre, foram 403 óbitos.

Em 2016, 44, ou seja, queda de 90%”, disse o governador Geraldo Alckmin durante o balanço apresentado na sexta-feira (20), no Palácio dos Bandeirantes. O levantamento foi feito pela Secretaria de Estado da Saúde com base nos dados informados pelos municípios paulistas por intermédio do Sinan (Sistema de Informação de Agravos de Notificação).

Foram 108.660 casos confirmados da doença nos quatro meses iniciais de 2016, contra 568.070 registrados no primeiro quadrimestre do ano passado. Cinco municípios paulistas concentraram 49,4% do total de infecções pelo vírus da dengue neste ano: Ribeirão Preto (33.264), São José do Rio Preto (7.312), Presidente Prudente (6.392), Birigui (3.763) e Sertãozinho (2.952). Entre todos os municípios paulistas, 71 não registraram nenhum caso, até o momento.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, David Uip, essa redução expressiva é resultado da intensificação das ações de combates ao Aedes aegypti promovidas pelo Governo do Estado. “E sobretudo, da colaboração do poder público e da sociedade civil. Não podemos dar trégua ao mosquito. Contamos com todos para dar continuidade ao enfrentamento às Arboviroses e, assim, aumentar a proteção à população.”

Qual sua opinião? Deixe um comentário: