Cargos em Saúde, Educação e outras áreas com salários de até R$ 10 mil em São Carlos

64

Divulgação

A Prefeitura Municipal de São Carlos está com 86 vagas para cargos em saúde, educação e outras áreas. Há ofertas disponíveis a profissionais de todos os níveis de escolaridade. Os candidatos interessados devem se inscrever até o dia 18 de dezembro no site www.nossorumo.org.br.

As taxas de participação variam de acordo com a formação do concursando: R$ 18 (ensino fundamental incompleto), R$ 22 (fundamental completo), R$ 32 (médio) e R$ 54 (superior).

As cargas de trabalho estão entre 15 e 40 horas semanais. Já a faixa salarial se estende de R$ 1.079, valor referente ao posto de servente merendeira, a R$ 10.346 mensais, pagos a quem for nomeado médico de saúde da família.

Oportunidades

A maior parte das vagas é destinada a graduados. Das 57 posições, 41 são ligadas ao segmento de saúde, para cargos como psicólogo, nutricionista, enfermeiro e médicos de diversas especialidades. As demais funções são as de professor, engenheiro, orientador técnico de programas da prefeitura, procurador municipal, assistente social, contador e bibliotecário. Os salários vão de R$ 1.567 a R$ 10.346.

Profissionais com ensino médio ocuparão oito vagas. A concorrência é para os cargos de intérprete de Libras, agente educacional, instrutor surdo, auxiliar administrativo escolar, técnico de segurança do trabalho, técnico de enfermagem e técnico de saúde bucal. Vencimentos variam entre R$ 1.219 e R$ 1.658.

As funções de oficial de manutenção, agente operacional, agente de manutenção, coveiro e servente merendeira são as únicas que não exigem formação até a atual 9ª série. Para as 12 oportunidades restantes, é preciso ter ensino fundamental. As posições são as seguintes: agente comunitário de saúde, auxiliar de enfermagem, auxiliar em saúde bucal, cadastrador, motorista e auxiliar de natação. Os salários oscilam de R$ 1.079 a R$ 1.312.

Provas

As avaliações objetivas estão programadas para o dia 1º de fevereiro de 2015 e serão baseadas em questões de múltipla escolha. Os candidatos terão que demonstrar conhecimentos de língua portuguesa, matemática, conhecimentos gerais e específicos, entre outros.

Para determinadas funções, os concorrentes passarão também por provas práticas, agendadas para 15 de março.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: