Campanha de vacinação contra a gripe tem início no dia 10

801

A 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, que será realizada no período de 10 de abril a 31 de maio de 2019, sendo 04 de maio (Sábado), o Dia de Mobilização Nacional, onde todas Unidades de Saúde de Rio Claro, e de todo o País, estarão abertas para vacinação das 8 às 17 horas. A exemplo dos anos anteriores, em 2019, a estratégia de vacinação será realizada considerando momentos específicos para a mobilização da população para a vacinação.

“Importante que todas as pessoas pertencentes aos grupos prioritários procurem sua unidade de saúde de preferência para tomar a vacina. Toda equipe da Vigilância Epidemiológica e Rede de Atenção Básica estarão mobilizadas para acolher, orientar e vacinar de acordo com o estabelecido pelo Ministério da Saúde”, afirmou a secretária municipal de Saúde Maria Clélia Bauer.

Assim, de acordo com determinação do Ministério da Saúde, no período de 10 a 19 de abril, poderão tomar a vacina contra a Influenza os grupos prioritários de crianças até 5 anos,gestantes e puérperas e, na ocasião, também ocorrerá a atualização da Caderneta de Vacinação com a oferta das demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação.

A partir de 22 de abril, a vacina contra Influenza será dada em pessoas pertencentes aos demais grupos prioritários, que são além das gestantes em qualquer idade gestacional, puérperas e crianças, também os trabalhadores da Saúde, pública e privada, professores, indígenas, idosos com 60 anos ou mais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas sócio-educativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independemente da idade.

Neste ano em Rio Claro, segundo a Vigilância Epidemiológica, meta é vacinar no mínimo, 90% dos grupos prioritários, o que representa um total de 42.113 pessoas a serem vacinadas prioritariamente.

Para receber a dose da vacina, as pessoas incluídas nos grupos prioritários determinados pelo Ministério da Saúde devem procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) ou Unidade de Saúde Família (USF). A lista com endereços e telefones das unidades de saúde pode ser consultada no site www.saude-rioclaro.org.br.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: