Blocos desfilam na Passarela do Samba

95

Laura Tesseti

Nem só de desfile de escolas de samba é feito o carnaval na cidade de Rio Claro. Antes das escolas entrarem na Passarela do Samba, localizada na Rua 3-A, no bairro Jardim América, são os blocos que marcam presença. Serão no total três, dois deles desfilam no sábado e um no domingo.

O primeiro a entrar na Avenida é o “Embaixadores do Samba”, bloco organizado pela Embaixada da República do Corinthians – Sede Rio Claro.

Segundo Marco Antonio Santanna, presidente do bloco, já estão inscritas cerca de 170 pessoas para o desfile que acontece sábado (6), às 20h30, mas ainda é possível participar. “Estamos fazendo inscrições na sede, localizada na Av. Visconde do Rio Claro, próximo à rotatória da Avenida 32, a partir das 19 horas, todos os dias, ou pelo telefone (19) 99669-7067. O abadá custa R$ 10,00”, explica.

Com enredo baseado na “fé”, o “Império do Samba” coloca na Avenida cerca de 400 integrantes, em seis alas, bateria e carro
Com enredo baseado na “fé”, o “Império do Samba” coloca na Avenida cerca de 400 integrantes, em seis alas, bateria e carro

O “Embaixadores do Samba” levará para a Passarela a necessidade da conscientização sobre a doação de órgãos. Ainda no sábado, único bloco-escola faz seu desfile. O “Império do Samba”, também conhecido como Vila Paulista, reúne 400 integrantes, sendo 65 deles na bateria e o restante dividido em seis alas, comissão de frente, casal de mestre-sala e porta-bandeira e um carro alegórico.

“Ano que vem, seremos escola de samba”, conta com alegria Fábio Cesar Viscainho, presidente. O bloco ensaia há mais de dois meses e leva a fé como enredo. No domingo, a partir das 20h30, quem passa é o “Não tenho um pingo de dó”.

Com mais de 200 pessoas, o bloco surgiu de uma conversa com amigos, assim como o nome, que é um bordão do grupo. “Vamos falar sobre a festa, sobre o carnaval”, conta Solimar Edilene da Silva, presidente.

Qual sua opinião? Deixe um comentário: