Atenção deve ser redobrada devido à neblina

63

Wagner Gonçalves

Nas estradas e rodovias, a baixa visibilidade tende a aumentar o risco de engavetamentos e acidentes entre veículos, como também o de atropelamentos
Nas estradas e rodovias, a baixa visibilidade tende a aumentar o risco de engavetamentos e acidentes entre veículos, como também o de atropelamentos

Rio Claro, assim como em outros pontos da região, amanheceu com neblina na quinta-feira, dia 15. Com a aproximação do inverno, os termômetros começam a registrar temperaturas mais baixas e, além disso, o frio traz consigo a ocorrência de neblina. Nas estradas e rodovias este pode ser um fator de risco aos condutores, pois essa condição tende a diminuir o bom desempenho ao dirigir, o que pode ocasionar acidentes de trânsito.

A névoa que fica suspensa tem mais incidência entre maio e agosto, comumente entre às 4h e 8h, e foi registrada, principalmente, na área industrial do município, nas proximidades do bairro Floridiana e nas estradas dos Estudantes e dos Costas, conforme informou a Guarda Civil Municipal, em entrevista à radio.

Com menor visibilidade, o risco de engavetamentos, choques com objetos nas estradas e atropelamentos aumenta. Por isso, a Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) iniciou, na última terça-feira (13), uma série de operações para conscientizar os condutores sobre os riscos de acidentes ligados a tais condições climáticas.

Um dos artifícios utilizados nas rodovias são os painéis eletrônicos de mensagens, conforme informou a Rodovias das Colinas. De acordo com a concessionária, os trechos com mais incidência de neblina ao longo da SP-127,entre Rio Claro e Piracicaba, estão no km 0 e 10 (em Rio Claro), e 22 (em Piracicaba).

As orientações são para que, nos trechos com menor visibilidade, não se ligue o pisca-alerta e que sejam ligados os faróis baixos, ou, quando houver, faróis próprios para neblina. Deve-se diminuir a velocidade de forma gradual e, caso não haja condições de visibilidade para prosseguir com o trajeto, deve-se procurar um lugar seguro para parar, mantendo as luzes baixas. Além disso, é preciso manter a ventilação interna do veículo, a fim de evitar que os vidros embacem.

DEIXE UMA RESPOSTA