Municípios da região têm queda na arrecadação

143

Vivian Guilherme

No comparativo entre o primeiro semestre de 2017 e 2016, quase todas as cidades da região apresentaram queda na arrecadação, se considerada a taxa de inflação do período. Corumbataí é o município mais prejudicado, com queda nos índices até mesmo sem considerar a variação da inflação. A cidade perdeu cerca de R$ 190 mil em arrecadação com tributos como IPVA, ICMS e IPI, segundo informações fornecidas pelo site da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo.

Para o prefeito Leandro Martinez, apesar da diminuição, está sendo possível equilibrar as finanças. “A arrecadação caiu, mas estamos tentando fazer uma gestão diferente, conseguimos reduzir a folha de pagamentos que está em 49% e estamos conseguindo controlar, negociando contratos mais baratos, entre outras medidas; a preocupação agora é com o segundo semestre, que é mais preocupante, pois não tem a verba do IPVA, por exemplo”, comentou o prefeito. Bastante oposta a Corumbataí, a cidade de Santa Gertrudes foi a que teve o maior aumento na arrecadação, mesmo que considerado o índice de inflação do período. O aumento foi de cerca de R$ 500 mil no primeiro semestre de 2017, no comparativo com 2016. Itirapina também registrou aumento, quase R$ 400 mil.

Já os municípios de Analândia, Cordeirópolis e Ipeúna também registraram diminuição no valor arrecadado com impostos estaduais, em torno de 4%.

Apesar da queda, Cordeirópolis continua sendo a cidade com a maior arrecadação dentre os municípios da região, cerca de R$ 29 milhões no primeiro semestre de 2017. Apesar das instalações da fábrica Honda ainda não terem entrado em funcionamento, Itirapina foi a cidade com o maior aumento na arrecadação, cerca de 6%.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO