Produtos JC
Notícias

Publicado por: data 09-11-2013 12:01 em noticia

Dia dos Inventores


Jaime Leitão


O ser humano é inventivo por natureza. Tem ideias, é imaginativo, mas muitas vezes tem sua curiosidade podada em casa ou na própria escola, o que pode bloqueá-lo no seu processo de inventar produtos novos. Os países que valorizam a invenção são aqueles que possuem mais ganhadores de Prêmio Nobel na área científica. Nós nunca ganhamos nenhum Nobel não por não termos inventores com potencial para isso, mas porque nunca se deram e ainda não se dão a eles instrumentos para que consigam prosperar nessa atividade.


Hoje, comemora-se o Dia dos Inventores. Aqui, para patentear um produto paga-se muito e há toda uma burocracia que dificulta o processo para fazer o registro.


Algumas universidades públicas vêm promovendo nos últimos anos Feiras de Ciência e Tecnologia para incentivar jovens inventores. Só que muitos acabam não desenvolvendo esse processo inventivo justamente por não haver incentivo por parte do governo para que coloquem a sua invenção no mercado.


Ainda tocando na temática da invenção, é importante lembrar que hoje se comemora o centenário da atriz austríaca naturalizada norte-americana Heddy Lamar, que além de se tornar célebre no cinema pelo seu talento e beleza, também foi uma inventora, reconhecida até hoje no mundo científico, por ter inventado com um amigo, durante a Segunda Guerra Mundial, um sistema de comunicações para as Forças Armadas dos Estados Unidos para combater o exército nazista, que serviu de base para a telefonia celular. Ela é chamada de “a mãe da telefonia celular”.


No cinema, atuou em filmes que se tornaram clássicos como “Boêmios Errantes”, “A Vida é um Teatro”, “Os Conspiradores” e “Sansão e Dalila”. A sua sensualidade e beleza fizeram dela um dos maiores símbolos de Hollywood nas décadas de 1940 e 1950, mas foi além dos seus próprios limites, inventando um sistema que até hoje é analisado e considerado revolucionário para a época.


Santos Dumont é visto como o maior inventor brasileiro de todos os tempos, por ter colocado o primeiro avião no ar em 1906, o 14 Bis, que é reconhecido na França, onde realizou os seus primeiros voos. Apesar de sua proeza, há uma polêmica interminável com os norte-americanos que reconhecem os Irmãos Wright como os inventores do avião, por terem voado em 1903, com o Flyer I. Acontece que os Irmãos Wright fizeram o seu avião voar com a ajuda de uma catapulta, já Dumont fez um voo autônomo, com o 14 Bis sendo impulsionado por um motor a combustão.


Invenção tem relação com poder, prestígio e dinheiro. Os inventores de países pobres ou em desenvolvimento têm muito mais dificuldade para ter os seus inventos reconhecidos do que os que vivem em países ricos, em que há parceria entre universidades e governo, para garantir o sucesso de suas empreitadas.


(O colaborador é cronista, poeta, autor teatral e professor de redação. jaimeleitaoo@gmail.com)




Esta é uma reprodução da notícia publicada na edição impressa do Jornal Cidade
79 visualizações desta notícia