Gilson Santullo

Guarda Civil detém dupla acusada de roubo

 

Na manhã de quarta-feira (30), às 11h10 da manhã, através de informações passadas por uma testemunha ao Centro de Operações da Guarda Civil Municipal (GCM), a equipe da viatura 484, foi deslocada até a Rua 2-A, entre as Avenidas 26 e 28, Vila Aparecida, onde segundo as informações, dois indivíduos estavam carregando um aparelho eletrônico de grande volume e o deixaram em uma gráfica próximo.

Os indivíduos foram abordados e questionados, e disseram que levaram uma impressora até o estabelecimento comercial.

Feito contato com o proprietário da gráfica, o mesmo autorizou a equipe a vistoriar o local e localizaram a impressora marca Brother, modelo DCP-8085dn, questionado, o mesmo informou que havia comprado dos indivíduos abordados, pelo valor de R$ 100,00, diante dos fatos, ambos foram informados, que na madrugada do dia 30/03, por volta de 5h da manhã, o prédio público, da Avenida Visconde esquina com Avenida 26, onde funciona o Departamento de Políticas Publicas, foi arrombado e invadido por pessoas estranhas e subtraíram um aparelho de telefone fixo e uma impressora.

O encarregado do Departamento compareceu ao Plantão de Policia, onde reconheceu sem dúvidas a impressora. Diante dos fatos, a autoridade policial, determinou a prisão em flagrante de R.S.P. 37 anos e F.R.D. 33 anos, por furto qualificado e M.A.C.P. 47 anos, proprietário da gráfica, por receptação. 

O roubo no Jardim Mirassol

A Polícia Militar de Rio Claro com cabo Hartung e soldado Zavan, conseguiu deter indivíduo por roubo a posto de combustível. Em patrulhamento no Jardim Mirassol, os policiais avistaram um veículo, em atitude suspeita, motivando a abordagem, sendo que com o passageiro foi encontrado uma arma de fogo, um celular Nokia, a quantia de R$ 100,00 em espécie e um cachimbo para uso de drogas ilícitas.

Na apresentação no Plantão Policial, foi notificado de que havia ocorrido um roubo ao posto de combustível, sendo acionada a vítima do delito, a qual reconheceu R.M.R, como sendo o autor do roubo.

Diante dos fatos foi ratificada a prisão permanecendo à disposição da Justiça. Após essa prisão foi possível o esclarecimento de outros 8 (oito) roubos, sendo a maioria a postos de combustíveis.

A atuação dos policiais militares foi primordial para a elucidação dos delitos e para o trabalho de investigação da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) da Polícia Civil. Fonte: 37º Batalhão da Polícia Militar

Tiros no Cervezão

A Polícia Militar trocou tiros com acusado de tráfico de drogas na tarde nesta quarta-feira no Cervezão. Os PMs responderam aos disparos em legítima defesa, após um dos acusados ter disparado na direção dos policiais. Um dos acusados foi detido e seu comparsa fugiu, ninguém ficou ferido na ação. Os PMs apreenderam cocaína na residência.

Outros posts deste autor
Ocorrências: corrupção, violência doméstica e furto
Ocorrências: acidente de trabalho, flagrante de roubo e ameaça
Ocorrências policiais: veículos furtados, extorsão e estelionato
Ocorrências: furto, roubo e ameaça
Ocorrências: roubo, furto e tráfico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

JCblogs Produzido por Gabriel Ferrari Mariano